BrainWaves – Ondas Cerebrais – Parte 1

C4C55D8E-DC51-4081-BB6842C3D1698A0Dby8fvçl

Somos seres incríveis!

A nossa complexidade é ainda incompreensível na sua totalidade para a mente humana, mas uma coisa podemos afirmar: quanto maior o conhecimento que temos de uma ferramenta, maior será os benefícios que teremos dela. Por isso, descobrir o funcionamento do cérebro humano é uma das grandes façanhas da humanidade. Ainda há um longo caminho a se percorrer, porém o pouco que avançamos é de uma utilidade quase que inexplorada por nós, seres humanos.

Pra começar, a gente tem que aceitar o fato de que o cérebro é um órgão que gera energia elétrica. Por mais bizarro que isso possa perecer é exatamente assim que ele funciona. Ele trabalha com disparos eletroquímicos podendo até mesmo produzir cerca de 10 watts de eletricidade.

neuroniEm segundo lugar, devemos compreender que temos uma unidade social de bilhões de neurônios habitando o interior da nossa caixa craniana. Como em toda sociedade, é necessário um mínimo de comunicação para que o funcionamento ocorra de forma organizada, é ai que entra a eletricidade. Todas as informações necessárias para o exímio funcionamento que visa o bem comum de todo o complexo biológico que é o corpo, são transportadas via pulsos elétricos de um neurônio para o outro. Da sincronia desses pulsos, ocorre uma onda, a famosa onda cerebral. E é assim que as bilhões de células neuronais conversam entre si.

Quando os cientistas começaram a estudar o mecanismo das ondas, perceberam que haviam padrões diferenciados para elas, foi aí que descobriram alguns tipos diferentes de ondas cerebrais e o conhecimento desses padrões pode fazer a diferença na qualidade de vida biológica, psicológica, emocional, intelectual, do ser que somos.

Uma coisa importante também para compreender é que a velocidade das ondas cerebrais é medida em Hertz (ciclos por segundo) e são divididas em bandas que delineiam ondas lentas, moderadas e rápidas. E cada um desses padrões de ondas interage construtivamente e destrutivamente para filtrar, classificar e coordenar o fluxo de informação no cérebro, exercendo assim, uma função de grande relevância no sistema autoconsciente que é o organismo humano.

As ondas são categorizadas da seguinte forma:

 

 

cellphone_brain_cancerAlém, dessas temos também um padrão de onda denominada de Ondas Mu, Rítmo Mu ou, como é conhecida também, como Tefa (8 a 13Hz). Essas ondas possuem um padrão de frequência vibratória específica que representa diferentes estados de consciência. Nesse site você encontrará um dossiê sobre esse padrão de frequência não muito conhecido.

Abordaremos também as novas tecnologias que utilizam as ondas para promover os benefícios ao organismo humano, os Beats Naurais e os Tons Isocrônicos.

Vale a pena salientar que, por se tratar do aprendizado do funcionamento desse órgão tão misterioso que é o cérebro, as análises publicadas nessa página são apenas descrições de pesquisas técnicas. Na prática, as coisas são muito mais complexas e ondas cerebrais refletem aspectos diferentes quando ocorrem em diferentes locais no cérebro.

Outra coisa que é importante que saibamos, é que cada grupo de cientistas adota um tipo de escala um pouco diferente para cada padrão de onda, geralmente variando de 0,1 a 1 na escala Hertz.

Sejam bem vindo(a), à uma pequena exploração do mundo eletromagnético desse misterioso e intrigante órgão, chamado cérebro!

Acesse aqui a Parte 2

por Clarice Nunes

Fontes:

Brain Works NeuroTherapy

Transparent Corp – BrainWaves

Mental Health Daily

Brain and Health

Scientific American

O Grande Jardim

Engenharia da Computação – Universidade Paulista

Wisegeek

Thought Medicine

BCI 2000

Irene Vigue Guix

Manual Binaural – 2012

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s